Montevideu - Uruguai


          Uma cidade não muito grande, sua população é de aproximadamente 1,38 milhões de habitantes, pouco menor que Porto Alegre, que tem aproximadamente 1,4 milhões. Montevidéu - ou Montevidéu, na língua original - é a maior cidade do Uruguai, um país relativamente pequeno mas com atrações turísticas de cair o queixo.

          Muitos acreditam que Montevidéu é banhada pelo Oceano Atlântico, na verdade suas praias são do Rio da Prata, muitos se referem a ele como mar, o Prata contorna a península onde está o centro histórico e então desenha uma orla de balneário para os bairros residenciais.

          A arquitetura conta a história da expansão de Montevidéu, dos prédios clássicos da Ciudad Vieja à elegância dos anos 60 nos bairros da orla.

          O passado histórico e a qualidade de vida são grandes atributos da capital uruguaia, que difere de inúmeras outras cidades da América do Sul, a começar pela educação no trânsito e pela limpeza nas ruas. Isso nos surpreendeu positivamente, a restrição fica apenas na região próxima ao porto, onde, de acordo com os uruguaios, por motivos de segurança, é uma região para ser visitada apenas durante o dia.

          Nossa passagem por Montevidéu foi rápida, caminhamos muito pelo centro, uma cidade arborizada e tranquila, perfeita para caminhar. Também passeamos pela Rampla Republica Argentina e Rambla Gran Bretanha, duas grandes avenidas que seguem pelas margens do Rio da Prata, local onde uruguaios tomam seu banho de praia.

        Depois seguimos pela Rambla Franklin D. Roosevelt e passamos em frente ao porto. Ficamos com vontade de entrar e tirar umas fotos de dois navios ancorados, então passamos um oleo de peroba no rosto e fomos lá pedir autorização, o que foi prontamente atendido. No cais do Porto havia uma senhora que acenava para um dos navios, fui falar com ela e então a mesma me informou que estava se despedindo de seu filho, que era o capitão do navio.

          Dali fomos para o centro da cidade, mais precisamente na  Plaza Independência, em seu entorno esta a Ciudad Vieja, ou centro histórico de Montevidéu, a arquitetura antiga é simplesmente fantástica, muito bem, conservada. Num dos cantos da Praça esta o Teatro Solís e na Puerta de la Ciudadela, um portal que restou da época colonial, quando a cidade ainda tinha um muro de proteção. 



Palácio Salvo

          Palácio é um edifício majestoso, às vezes destinados à habitação de um chefe de Estado ou chefe de governo, assim como lugar de alguns nobres, bispos e patriarcas, também podem ser utilizado como parlamento. O edifício foi projetado pelo arquiteto italiano Mario Palanti, um imigrante italiano que vive em Buenos Aires, e este lindo e luxuoso palácio foi inaugurado em 1928. Com seus 95 metros e 27 andares, é a torre mais alta da América do Sul há vários anos. Esta localizado na esquina da Avenida 18 de Julio Plaza Independência, onde antes ficava a Confeitaria La Giralda.

          Estilo eclético e silhueta característica, tornou-se um edifício emblemático da cidade, lembrando os anos de excelente início do século XX.

Catedral Metropolitana de Montevidéu.


          Localizada no centro histórico de Montevidéu, em frente à Praça da Constituição (ou Plaza Matriz), a Catedral Metropolitana é a principal igreja católica na capital uruguaia. Também conhecida como a Matriz Iglesia (ou seja, Igreja Matriz, dando assim um segundo nome para a praça localizada em frente à igreja), o edifício tem as suas raízes no período colonial, ou seja, em 1740, quando foi construída uma igreja de tijolos na local agora ocupado pela catedral e, mais tarde, em 1790, foi lançada a primeira pedra para começar a construir o novo edifício em estilo neoclássico. Consagrada em 1804, (quando o país conquistou sua independência), a igreja foi elevada à categoria de Catedral Metropolitana pelo Papa Leão XIII em 1897.


          A catedral é dedicada à Imaculada Conceição e os santos padroeiros da cidade (San Felipe e Santiago, que o Santos Apóstolos Filipe e Tiago), e está descansando aqui propro cidade peronaggi ilustre, sejam figuras religiosas ou não, como bispos, arcebispos eclesiates e diversas outras autoridades, civis e militares.

          Não é por acaso que em 1975 foi proclamado como um marco histórico nacional: muito ornamental com o interior e uma bela estrutura e harmonia arquitetônica, a igreja hoje não é apenas um must para os amantes da arquitetura, mas também para aqueles que amam a história e cultura, é precisamente aqui que tiveram lugar eventos históricos de grande importância como a bênção da bandeira e da tomada de posse da primeira Constituição


Ciudad Vieja
          A Ciudad Vieja, ou Cidade Velha, em português, é o centro histórico de Montevideo. Lá estão diversas empresas públicas e estatais, além de bares, restaurantes e museus. Entre os destaques estão o Museu Al Pie de la Muralla, que conta a história de Montevidéu Antiga, o Cabildo de Montevidéu, Casa General Fructuoso e o Palácio de Artes Decorativas Tarancó.

          É lá que também estão a Catedral Metropolitana de Montevideo, a Praça da Constituição e o Banco de la República Oriental del Uruguay, um edifício suntuoso e muito bonito.


Palácio Taranco


          O Palácio Taranco, antes sede de um teatro chamado San Felipe, foi a residência dos irmãos Ortiz de Taranco. O edifício foi assinado pelos arquitetos franceses Charles-Louis Girault e Jules-Léon Chifflot e suas obras começaram em 1908. O estilo decorativo é baseados nos clássicos franceses Louis XV, Regencia e Louis XVI.


          A casa foi vendida pela viúva do Félix Ortiz de Taranco à Comissão Nacional de Belas Artes, em 1943, com todos os móveis e todas as obras de arte que decoravam a casa. Assim surgiu o Museu de Artes Decorativas.

          As peças de decoração, bem como as obras de arte que estão presentes na casa não foram frutos de doação e compras do Estado para construir o Museu. 



Mercado del Puerto

          O Mercado del Puerto é um passeio cultural e principalmente gastronômico localizado em Montevidéu. É uma das principais atrações na cidade para os turistas, já que em todos os seus restaurantes servem o típico prato uruguaio, o churrasco de carne de vaca. Pode-se escolher entre restaurantes ao ar livre, ou os que se situam dentro do mercado.





Fonte dos Cadeados

          Fica na Av. 18 de Julio, proximo do hotel em que ficamos hospedados. Há uma lenda que diz que os casais que deixarem um cadeado preso no local terão amor eterno.

          Como estávamos numa noite de Natal na cidade e não encontramos nenhum comércio aberto, deixamos o cadeado que levamos em nossa motocicleta. Próximo existe uma banca que vende esses cadeados, mas estava fechada.



Mirador da Intendencia de Montevidéu


          Mirante localizado no 22° andar da Prefeitura com vista panorâmica da cidade. A entrada é gratuita, mas só abrem de segunda à sexta, das 10h30 às 15h30.



Teatro Solis

          O teatro foi inaugurado em 1856, na presença do presidente Gabriel Antonio Pereira, é a mais antiga casa de espetáculos do Uruguai. Em sua inauguração foi apresentada a ópera Ernani de Verdi, o teatro leva esse nome em homenagem ao navegante espanhol Juan Diaz de Solís, comandante da primeira expedição europeia a penetrar no Rio da Prata.

          Esta localizado na cidade velha, do lado da Plaza Independência. Para conhecer o teatro, é preciso fazer o tour guiado, que custa 20 pesos. O ingresso só é vendido minutos antes do tour, a visita dura pouco tempo.

econquista s/n esq. Bartolomé Mitre – Ciudad Vieja, Montevideo
Horário da visita guiada – terças e quintas, às 16h; quartas, às 11h, 12h e 16h; sextas e domingos, às 11h, 12h e 16; sábados, às 11h, 12h, 13h e 16h. Não funciona nas segundas!
Ingresso – 20 pesos uruguaios (R$2,00) em espanhol; 40 pesos uruguaios (R$4,00) em português ou inglês. Gratuito às quartas-feiras para o tour em espanhol.
Site: www.teatrosolis.org.uy




Letreiro da Cidade



          Algumas cidades estão adotando o letreiro como divulgação, eles escolhem uma bela paísagem e lá instalam o letreiro, Montevidéu não é diferente, o letreiro foi instalado em Pocitos, às margens do Rio da Prata, uma bela paisagem.

          As cores do letreiro são mudadas de acordo com os eventos do mês. 




Palácio Legislativo

          O Palácio Legislativo de Montevidéu está localizado na Av. de Las Leyes, bairro Aguada, a 3 km da Plaza Independencia, é considerado um dos maiores e mais bonitos do mundo e possui visitas guiadas para turistas, ali funciona a sede da Câmara dos Deputados e do Senado do Uruguai.

Visitas: de segunda à sexta, às 10:30h e 15:00h.
Ingressos: 70 pesos uruguaios ou 3 dólares.
Site: www.parlamento.gub.uy



Mais fotos de Montevideo





































































Nenhum comentário:

Postar um comentário