quinta-feira, 3 de agosto de 2017

O surpreendente Atacama


Milagre da natureza: deserto de Atacama se torna um tapete de flores

          O deserto de Atacama está localizado na região norte do Chile até a fronteira com o Peru. Com cerca de 1000 km de extensão, é considerado o deserto mais alto e mais árido do mundo, pois chove muito pouco na região, em consequência de as correntes marítimas do Oceano Pacífico não conseguirem passar para o deserto, por causa de sua altitude. Assim, quando se evaporam, as nuvens úmidas descarregam seu conteúdo antes de chegar ao deserto, podendo deixá-lo durante anos sucessivos sem chuva.


          As temperaturas no deserto variam entre 0ºC à noite a 40 ºC durante o dia. Em função destas condições existem poucas cidades e vilas no deserto; uma delas, muito conhecida, é São Pedro de Atacama, que tem pouco mais de 3 000 habitantes e está a 2 400 metros de altitude.

          Por ser bem isolada é considerada um oásis no meio do deserto e o principal ponto de encontro de viajantes do mundo inteiro, mochileiros, fotógrafos, astrônomos, cientistas, pesquisadores, motociclistas e aventureiros, além de possuir uma vida agitada, mesmo depois da meia noite, com bares e restaurantes lotados e pessoas conversando e planejando o dia seguinte.


          Esse é o ambiente que fascina muitos motociclistas brasileiros, os quais se preparam durante meses para poder desfrutar dessa viagem magnifica.

          O deserto mais árido do mundo, o Atacama, de repente se transformou em um tapete lindo de flores silvestres, depois de o El Niño ter trazido a maior precipitação em duas décadas. O El Niño é um aquecimento periódico das temperaturas da superfície marítima no Pacífico Equatorial. 



          O deserto de Atacama, localizado junto à costa do Pacífico, cobre 1.000 quilômetros de terras chilenas e é considerado um dos lugares mais secos da Terra. No entanto, este ano, o deserto mais uma vez se transformou em um deslumbrante tapete de flores silvestres.

          Tal fenômeno ocorre quando a chuva ajuda as sementes no solo a germinar, permitindo-lhes florescer. Este fenômeno particular é chamado deserto de florescência.



          O deserto de Atacama tem bem mais de 200 espécies diferentes – a malva é a flor mais frequente, com um tom de rosa perfeito. Esta florescência do deserto ocorreu após El Niño, um aquecimento periódico das temperaturas da superfície do mar no Pacífico Equatorial, ter trazido a maior precipitação em duas décadas no início deste ano.

          As chuvas causaram deslizamentos de terra e inundações, matando 28 pessoas e deixando milhares de pessoas sem teto. Mas também transformou o deserto em um tapete colorido de flores.



          A região de Atacama foi punida, mas também abençoada pelo fenômeno do deserto florescente, algo que acontece somente após as chuvas, desta vez provocada pelo El Niño e as alterações climáticas. As flores normalmente florescem cada cinco-sete anos, este fenômeno aconteceu no fim de 2016 e foi considerado um dos mais espetaculares. 






Fonte: Fonte: http://br.sputniknews.com

2 comentários:


  1. I really like what you guys tend to be up too. Such clever work and reporting! Keep up the great works guys I've incorporated you guys to my own blogroll. craigslist dc

    ResponderExcluir