quarta-feira, 13 de abril de 2016

Expedição Atacantes - 4º dia - Viagem de Villa Maria até Mendoza

          Enfim o sol brilhou pra nós, saímos de Villa Maria com uma névoa muito forte, mas foi por pouco tempo. A estrada nessa região já possui um asfalto com uma qualidade melhor e boa parte da viagem é de pista dupla, convidando a gente a correr um pouco mais, nas auto pistas, a velocidade autorizada é de 120 km/h.

          Em Rio Cuarto estacionamos nossas motos na Praça Central da cidade para bater umas fotografias, uma cidade muito bonita, mas com um transito intenso onde não existe preferenciais, quem chegar primeiro na esquina embica o carro ou moto e manda ver. A gente teve que rezar muito, achando que alguns carros não iriam frear para nós

          Fizemos uma parada para almoço num "comedor" (assim é o nome do restaurante por aqui) à beira da estrada, utilizamos o velho critério de que, onde tem bastante caminhoneiro almoçando é porque o rango é bom . Como é difícil fazer o pedido de uma refeição fora de nosso país, seguimos a sugestão do garçom e quando vimos era comida demais para nós.

          Aqui na Argentina os policiais rodoviários abordam de uma forma diferente os veículos, eles param os carros na estrada mesmo (no Brasil eles mandam parar no estacionamento), com isso, quem vem atrás é obrigado a ficar esperando e de pisca alerta ligado, caso contrário poder´levar uma multa. Todos os veículos abordados devem ligar o sinal de alerta, e só desligar após sair da faixa ou cones da fiscalização.

          Outra parada realizada foi no portal Província de Mendoza, um portal bacana que faz lembrar algo meio militar, parada obrigatória para turistas.

          Chegamos em Mendoza por volta das 18h , amanhã tem mais relato !!





























       

Nenhum comentário:

Postar um comentário